• Daniel Moura

ESTRADA EU VOU, ESTRADA EU SOU...


Somos peregrinos nesta vida,

uma estrada de surpresas e incertezas.

O importante é caminhar.

Cada passo, uma conquista;

cada tropeço, um aprendizado;

cada horizonte, uma esperança de ir além.

O tempo vai devorando os momentos,

os acontecimentos, alegrias e frustrações.

Pedras que nos machucam os pés,

terras macias que facilitam a marcha...

Tudo passa.

Ficam para trás os desencontros,

permanecem os encontros

que nos marcaram fundo.

Com as luzes da fé

ressuscitamos as cruzes

que nos fizeram sofrer.

E vamos construindo a história,

misturando vidas,

colhendo os frutos,

sonhando glórias,

partilhando os dias

que um dia a memória

não esquecerá.

A vida só nos solicita o passo,

o caminhar no aqui e no agora,

e seguir o impulso de ir

e deixar fluir...

Mas há um momento

em que olhamos para trás

e vemos, ao longo da estrada,

todos aqueles que nos acompanham.

E percebemos que a missão agora

é mais que caminhar:

é ensinar o caminho,

aplainar o terreno,

facilitar a jornada,

indicar o rumo,

compartilhar a viagem.

Já não somos mais

simples caminhantes:

somos a própria estrada.


Daniel Moura


(28º Encontro da Feliz Idade)

0 views0 comments

Recent Posts

See All