Pages Navigation Menu

Urgente: Sinais eminentes da volta de Jesus.

1.- Não existirá no céu…

-->

O Espírito de injustiçado.

 

Não existirá no céu o espírito que coloca as pessoas em uma posição de injustiçado.

 

Coração

O ESPÍRITO DE “INJUSTIÇADO” DESAPARECERÁ.

Sim, e aqui nestes dias de vida na terra é onde eu tenho oportunidade de me livrar deste “espírito” para chegar pronto à vida eterna.

MAS COMO ME LIVRAR DE ME SENTIR INJUSTIÇADO, se tantas coisas na minha vida foram roubadas por pessoas, por circunstâncias, por instituições?

Eis aí o segredo:

Jesus, quando o estavam torturando e lhe tirando a vida, (embora, ele a tenha entregue) olhou para o céu e disse, “PAI PERDOAI-OS PORQUE NÃO SABEM O QUE FAZEM”

O amargo rancor, a revolta, dão lugar então à compreensão e declaração de um propósito maior de Deus para nossas vidas, para cada coisa que nos aconteça, ou que tenhamos que passar.

Em cada situação, temos que tirar o significado que que a minha alma dá aos  fatos da nossa vida, e procurar, com meu espírito, o significado que Deus dá para cada situação que tenhamos vivido, ou que estamos vivendo.

O significado, o sentimento que a alma de José sentiu quando seus irmãos tentaram matá-lo, e o venderam como escravo, foi substituído pelo que ele disse em Genesis 45:5. quando se deu a conhecer aos seus irmãos. Ele deixou bem claro que não havia espírito de amargura, nem espírito de vingança, e muito menos espírito de ter sido injustiçado por eles, e sim havia agora a compreensão do significado de Deus para tudo o que aconteceu.

Disse José: Gen. 45:5, 7 e 8

“5.- Agora, pois, não vos entristeçais, nem vos pese aos vossos olhos por me haverdes vendido para cá; porque, para conservação da vida, Deus me enviou diante da vossa face.
7 e 8 .- Pelo que Deus me enviou diante de vossa face, para conservar vossa sucessão na terra e para guardar-vos em vida por um grande livramento.
Assim, não fostes vós que me enviastes para cá, senão Deus , que me tem posto por pai de Faraó, e por senhor de toda a sua casa, e como regente em toda a terra do Egito.” 

Sim, desta maneira, perdoando, tirando do coração a amargura, José pode então, não só ser abençoado, como ser o “salvador” da vida de sua família e de todo o povo hebreu.

Se está difícil de você fazer isto, se o seu coração está lutando contra a tomada desta postura diante de situações de sua vida, leia romanos 12, onde Deus nos mostra uma relação de atitudes que serão nosso “culto racional”.

Por exemplo, depois de nos aconselhar a nos oferecermos em sacrifício vivo e culto racional, Deus diz:

Romanos 12:

14: “Abençoai aos que vos perseguem, abençoais e não amaldiçoeis”.
17: “A ninguém torneis mal por mal” …
19: “Nos vos vingueis a vós mesmos, amados, mas dai lugar à ira, porque está escrito: Minha é a vingança; eu recompensarei, diz o Senhor.
20: “Portanto se o teu inimigo tiver fome, dá-lhe de comer, se tiver sede, dá-lhe de beber, porque, fazendo isto amontoarás brasas de fogo sobre a sua cabeça.

E muito mais.

Pode nos parecer difícil, mas importa nos apressarmos em obedecer a Deus, e não ao nosso coração, à nossa vontade, à nossa lógica. Assim com Jesus fez na Cruz, no Getsêmani, em todos os dias de sua  vida.

Hebreus 5:8 ainda que era filho, apreendeu a obediência por aquilo que padeceu”. 

Cada um tem as suas situações particulares, e cada um de nós precis apreender a obediência, e cada um de nós tem um coração tentando evitar qualquer tipo de sofrimento, e tentando fechar a porta das bênçãos sobre a nossa vida.

Glória a Deus por Jesus e por sua palavra, seus ensinamentos, pelo Espírito Santo que nos leva a nos liberarmos de espíritos, de sentimentos que não entrarão no céu.

Deixe um Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *